LUGO: DAS MURALHAS MILENÁRIAS AO CORAÇÃO DA CIDADE

  • Porto

    La Coruña

  • Nível de dificuldade

    Fácil,Fácil,Fácil,Fácil

  • Tipo:

    Cultural,Cultural,Cultural,Cultural

  • Preço

    Adultos

    EUR55.0

  • Horas de duração

    4.5

  • Código da excursão

    0660

Descrição

Uma cidade rica em história e arte nos espera além das suas muralhas que são únicas no mundo.



O que nós vemos
  • Muralhas romanas Catedral Igreja e claustro de San Francisco Igreja, convento e claustro de Santo Domingo Torre do Relógio * Palácio das Belas Artes


O que nós fazemos
  • Vamos deixar o porto para nos dirigir a Lugo, cidade única entre as europeias que pode se vangloriar de suas muralhas romanas completamente intactas, tanto que foram declaradas Patrimônio da Humanidade pela UNESCO em 2000. Com um perímetro de 2.117 metros e uma altura que varia entre os oito e os dez metros, com ainda 71 torres das 85 originais e 10 portas de entrada, as muralhas são os vestígios mais evidentes e bem conservados do próspero passado da cidade, antigamente parte crucial de uma região rica em ouro. Outro ponto de grande interesse histórico também é a ponte romana sobre o rio Minho, com um comprimento de 104 metros e 4 metros de largura e muitas vezes reconstruída e revisada ao longo dos séculos. No interior da muralha poderemos admirar a Catedral de Santa Maria, uma igreja românica que aloja a capela dedicada a San Froilán, padroeiro da cidade, e onde perpetua a exposição do Santíssimo Sacramento, como é também recordado no emblema da cidade. Do estilo românico da catedral vamos passar ao estilo gótico da Igreja de San Francisco. Construída no século XV com uma planta em cruz latina e arcos ogivais, a igreja era flanqueada pelo antigo convento de San Francisco, do qual hoje se conserva somente o claustro, de planta quadrada e com arcos de volta inteira sustidos por colunas duplas decoradas com motivos vegetais. O claustro é atualmente uma das sedes do Museu Provincial de Lugo e aloja, entre outras coisas, uma coleção de arte galega. Vamos continuar com o nosso passeio até a Igreja de Santo Domingo, edifício com uma planta em cruz latina, com uma única nave que data do século XIV e com um claustro barroco adjacente do século XVIII e o convento dominicano do século XIII. Depois, vamos observar a característica Torre do Relógio, que pertencia originalmente a um edifício do século XVI, mas restaurada sucessivamente. Nosso passeio vai terminar no *Palácio das Belas Artes, reservando porém um pouco de tempo às compras antes de voltarmos para a Corunha de ônibus.

O que saber

.