DESCOBRINDO A SARDENHA, TERRA DOS NURAGUES

  • Porto

    Ólbia/Costa Esmeralda

  • Nível de dificuldade

    Fácil

  • Tipo:

    City Tour, Naturalista

  • Preço

    Adultos

    EUR60.0

  • Horas de duração

    4.0

  • Código da excursão

    0106

Descrição

Um mergulho no passado vai nos acompanhar da Idade do Ferro à época romana, revelando os segredos dos misteriosos nuragues.



O que nós vemos
  • Civilização nurágica, Nuragues Nurague La Prisgiona Tumbas dos Gigantes de Coddu Vecchiu * Cannigione


O que nós fazemos
  • A excursão vai nos levar a descobrir a famosa civilização nurágica e admirar um dos maiores assentamentos nurágicos no norte da Sardenha. A civilização nurágica se desenvolveu na Sardenha em um momento que no resto do Mediterrâneo e Europa Ocidental correspondia à Idade do Ferro e à Idade do Bronze (1800 a.C.), até o período romano (século II a.C.). A civilização deve o seu nome às impressionantes construções megalíticas chamadas Nuragues, um termo que se presume ser formado a partir da raiz pré-latina Nur_, o que significa "monte de pedras, monte cavado"._ Estima-se que sete mil destes impressionantes edifícios ainda permanecem espalhados por toda a ilha, a cada três quilômetros quadrados, o que, portanto, caracteriza claramente a paisagem da Sardenha. Considerada entre as mais antigas da Europa, a civilização nurágica nasceu do encontro de povos do Mediterrâneo e foi o resultado de uma evolução gradual das culturas pré-existentes já espalhadas na Sardenha desde o Neolítico. Os nuragues tinham uma cultura étnica muito forte, eram politicamente organizados em tribos e as tribos em clãs. Sua estrutura econômica foi baseada principalmente na agropecuária. Presume-se, então, que eles tinham frequentes confrontos entre as tribos rivais pela posse dos territórios mais ricos e férteis. A partir de Olbia, vamos nos dirigir ao noroeste em direção a Arzachena, onde vamos poder conhecer o grande sítio arqueológico que aloja o Nurague La Prisgiona, único no contexto nurágico da Gallura e um grande tesouro histórico do território. A posição em que ele está localizado, o tamanho e a complexidade da estrutura arquitetônica testemunha o importante papel desempenhado no passado. O Nurague La Prisgiona, que vamos visitar, é um tipo complexo de "tholos", dominado por uma torre central (“mastio”) em torno do qual se estende a vila, que tem cerca de umas noventa cabanas. Vamos chegar ao entorno das Tumbas dos Gigantes (em sardo tumbas de sos gigantes ) Coddu Vecchiu ou Capichera, exemplo magistral da arquitetura típica dos monumentos funerários da pré-história da Sardenha, inserido no campo de Capichera, cultivado com vinhedos e cercado por oliveiras selvagens. Após a visita, vamos para Cannigione um famoso resort que tem uma localização central em relação às estâncias turísticas e praias da Costa Esmeralda, cercado pelas águas do Golfo de Arzachena de que é, desde sempre, o porto natural. Antes de retornar para Olbia, vamos ter um pouco de tempo livre para nos relaxar totalmente.

O que saber
  • Recomendamos que use sapatos confortáveis.
  • A excursão não é recomendada para hóspedes com dificuldades de mobilidade.
  • Para participar desta excursão é necessário ter boa condição física.
  • O itinerário de ônibus inclui vários tipos de terreno.
  • Para visitar os nuraghi é necessário atravessar túneis ou passagens estreitas.
  • O itinerário poderá seguir uma ordem diferente.
  • Durante a estação turística os tempos de percurso poderão estar sujeitos a alterações devido ao trânsito intenso.
  • A excursão é reservada para hóspedes que não desembarcam em Olbia.