Ubud é uma cidade localizada em uma das ilhas mais bonitas do mundo, Bali, o principal destino turístico da Indonésia. Esta localidade é definida como o coração espiritual e cultural de Bali. Ubud é uma cidade do interior, por isso é muito rica em artesanato local. 

As melhores atrações são certamente a floresta de macacos bem no centro da cidade, templos hindus maravilhosos e plantações de arroz verde nas proximidades. Saindo dos campos de arroz, não muito longe do centro, de carro o turista pode chegar ao Templo Tirta Empul ou a Pura Gunung Kawi. Este último é um templo hindu, um dos templos mais antigos da região, com altares esculpidos na rocha e para chegar até lá é preciso descer uma longa escadaria que parece mergulhar na selva.

Bali é chamada de ilha dos Deuses. Em toda a ilha existem muitos templos; na língua indonésia, a palavra "templo" é traduzida com “Pura”, e em balinês vem do sânscrito, e significa “cercado por paredes”. 

Estes templos são divididos em: Puseh, os templos das origens, Desa que são os templos da aldeia, Dalem os templos dos mortos. Em cada cidade existem vários templos. 

Ubud é considerada a capital cultural de Bali graças ao espírito da população local empenhada todos os dias em reviver ritos religiosos, música e danças típicas (como legong e kerak) e apresentações teatrais que permitem aos visitantes uma imersão na cultura balinesa.

Pura Desa

Este é o templo da cidade, dedicado a Brahma. A Pura Desa é dedicada a espíritos protetores de Ubud. Por isso, este é um dos principais templos daqui.

Uma atmosfera espiritual envolve este edifício com um belo jardim. A entrada é possível, mas apenas para aqueles que estão vestidos adequadamente, conforme estritamente ditado pelos sinais na entrada do local sagrado. Dentro deste templo acontecem algumas das cerimônias sagradas dos hindus, como a Odalan: uma oportunidade para os crentes se encontrarem e invocarem suas divindades, para pedir prosperidade e paz. Envolvido neste verde jardim, o seu encanto se deve ao templo que se une à natureza.

Floresta de macacos

Ubud também é conhecida por sua natureza, que abraça templos, cidades e lagos naturais. É uma cidade rica em vegetação, caracterizada pela imensa Floresta dos macacos. O nome realmente sugere a verdade: dentro desta vasta floresta, de fato, existem populosas colônias de macacos. 

Existe também o Mosteiro Sagrado dos Macacos; é uma área florestal protegida, mas pode ser visitada, e não faltam vendedores ambulantes dispostos a oferecer bananas e outros alimentos aos macacos e a tirar fotografias aos turistas. Os visitantes e turistas podem se aproximar e admirar os animais, embora limitados pela cerca. Este lugar é considerado um santuário.

Puri Saren Agung

Puri Saren Agung, conhecido como Palácio do Reino de Ubud, é um templo cercado por belas casas tradicionais usadas pela família real.

Puri Saren sendo o centro do Império de Ubud, iniciou a vida turística em Ubud, em particular em Bali em geral. Por isso que o templo está localizado no centro de Ubud e fica próximo ao mercado de arte tradicional.

A história deste palácio real remonta ao início do século 19, quando foi construído durante o reinado de Ida Putu Kandel. Hoje ele foi mantido por seus herdeiros.

Este palácio é um centro de arte e cultura. Anunciado como o local de nascimento de Ubud, Puri Saren Agung é considerado um caldeirão artístico, e o mercado de arte em frente ao palácio é uma prova disso. As artes criativas e uma rica cultura criam o lugar perfeito para experimentar um lado diferente de Bali, além das atrações naturais da ilha.

Existem também pequenas estruturas localizadas dentro do parque do palácio real na forma de pequenos bangalôs. Eles estão rodeados por belos jardins, esculturas, fontes e vários edifícios históricos, tornando-os um lugar ideal para ficar durante as férias.

Pura Gunung Kawi

A estrada que leva a Pura Gunung Kawi é muito cansativa tanto em descidas, mas principalmente em subidas. Uma longa escadaria de 300 degraus cheia de vendedores e na parte final um caminho entre os arrozais. Este é certamente um dos sítios arqueológicos mais notavelmente únicos, além de ser um importante lugar sagrado para os balineses.

Com vista para o sagrado rio Pakerisan, o complexo principal consiste em 10 santuários - memoriais esculpidos nas faces dos penhascos em imitações de edifícios reais. Elas são encontradas em nichos protegidos de 8 m de altura esculpidos nas rochas íngremes. Os 10 “Candi”, de 7 metros de altura, ou os nichos esculpidos na parede de rocha saliente, deveriam guardar os túmulos, mas acredita-se que os túmulos sejam dentro das cavernas.

Existem quatro santuários no lado oeste e mais cinco no lado leste do rio, enquanto ao sul, através do vale, esconde-se outro. 

Pequenas cavernas de pedra servem como locais de meditação complementam os santuários, onde os monges budistas costumam sentar e contemplar. Na verdade, a história balinesa mostrou que as duas religiões desta cidade coexistiram e às vezes se fundiram em harmonia. Do outro lado do rio e próximo ao primeiro complexo de santuários em cavernas está o pátio funcional do templo. 

No interior estão o que é comumente encontrado em qualquer outro pátio de templo balinês, completo com vários santuários em torno do grande pavilhão do templo principal.

Pura Tirta Empul

Um dos templos mais queridos por este povo é o Templo da fonte sagrada de Tirta Empul, descoberto em 962, onde suas águas eram canalizadas em tanques para permitir abluções sagradas aos fiéis, também concedidas aos ocidentais.

A característica mais importante deste templo é a presença, no parque sagrado, de algumas banheiras chamadas "Petirtaan", utilizadas pelos hindus para o seu banho purificador. Devido à sua importância artística e histórica, o Templo Tirta Empul é um local protegido como patrimônio cultural nacional.

O templo é um verdadeiro complexo arquitetônico, que ainda testemunha as glórias da dinastia reinante da família Warmadewa. O nome do templo é inspirado na presença da fonte de água que alimenta os banhos de purificação e as bacias decorativas que se localizam ao longo do perímetro externo da área.

O templo está organizado em três seções. Na entrada do parque, os turistas entram em uma área em frente ao templo ocupada por jardins exuberantes adornados com estátuas e plantas tropicais, chamada Jaba Pura. Um caminho os leva até a entrada do templo, onde encontram um pátio central chamado Jaba Tengah. E enfim chegamos a um pátio interno chamado Jeroan.

Cachoeira Tegenungan

Tegenungan é a cachoeira mais próxima de Ubud, por isso também é uma das mais famosas e turísticas da ilha de Bali.

Uma cachoeira muito forte com cerca de 15 metros de altura e vários mirantes para tirar fotos.

Ao contrário de muitas outras cachoeiras, Tegenungan não está localizada nas montanhas e por isso a natureza ao redor oferece um diferente espetáculo natural.

No entanto, se o turista está procurando um lugar não contaminado e sem aglomeração, esta não é a melhor cachoeira. Em qualquer caso, é preferível visitá-lo de manhã cedo, quando ainda não está muito cheio de turistas. Ao contrário, Tegenungan é o lugar perfeito para os verdadeiros amantes da fotografia, pois é aqui que encontramos: um coração gigante, um ninho de bambu e o inevitável balanço.

Caminhada Campuhan Ridge

Imerso na natureza, oferecemos aos turistas a bela caminhada do Campuhan Ridge.

A palavra "Campuhan" significa "onde os dois rios se encontram": a confluência de Wos Barat e Wos Timor é de facto indicada pelo Pura Campuhan.

O caminho que se estende para norte, ao longo da serra relvada, atrás do templo, onde sobe e desce um pouco antes de continuar plano ao longo dos vales dos dois rios. A vista é surpreendente: savanas, palmeirais, pedras de rio e poço cercam 1,5 km de arrozais. Descubra alguns dos pontos turísticos clássicos de Bali: faça uma caminhada panorâmica ao longo da Campuhan Ridge Walk e pelos Tegalalang Rice Terraces, aviste macacos na Floresta dos Macacos e visite a Cachoeira Tegenungan. Prove o café luwak em uma plantação de café e pare para almoçar em um restaurante.

Mercado de Ubud

O mercado de Ubud está localizado no centro da cidade e é facilmente acessível a pé.

Logo pela manhã é possível conhecer a feira de alimentos de Ubud, enquanto já por volta das 9h as barracas são desmontadas para dar lugar a produtos artesanais dedicados exclusivamente aos turistas.

A localização estratégica de Ubud no centro de Bali torna o ponto de partida ideal para conhecer a ilha. Nas adjacências, o turista encontrará aldeias tradicionais, incríveis campos de arroz, templos lotados e centenas de lojas e oficinas de artesanato.

Ubud é uma zona muito tranquila em comparação com o sul da ilha e, por isso não há perigo em alugar bicicletas ou motocicletas. Porém, para chegar aos pontos turísticos, alugar um carro com motorista é a melhor opção.

O que visitar em Bali

Ao longo dos anos, a ilha de Bali desenvolveu uma veia turística projetada para o uso e consumo do turista ocidental.  Vamos ver o melhor de Bali alguns pontos: 

  • Ubud é um dos destinos mais populares de Bali. Muitos viajantes a escolhem como base para se hospedar. 
  • A famosa Floresta dos Macacos, uma floresta habitada por inúmeros macacos.
  • Luwak, famosa por suas enormes plantações de café, é um lugar onde o turista pode comprar um dos melhores cafés do mundo.
  • A cachoeira de Sekumpul está localizada em um grande vale profundo.
  • Os templos hindus são uma das atrações mais bonitas de Bali. O complexo Ulun Danu Bratan, às margens do Lago Bratan, parece flutuar na água e cria reflexos sugestivos, especialmente ao nascer e pôr do sol. Pura Besakih é um dos templos mais conhecidos junto com o Tanah Lot, enquanto o Pura Luhur Uluwatu está entre os mais impressionantes, construído com vista para o mar. Pura Lempuyang, os Portões do Céu, é o templo mais fotografado em Bali. Templo onde os hindus se purificam mergulhando o corpo sob as 13 fontes do templo, cujas nascentes vêm da região montanhosa de Bali. 
  • Em Bali existem dois vulcões que são uma excursão perfeita para quem quer fazer caminhadas e ver a ilha de uma perspectiva diferente.

Estas são só algumas das atrações, agora a escolha está apenas nas mãos do turista.

Descubra todo o mundo com Costa Cruzeiros

Um cruzeiro ao redor do mundo, é o sonho de todos os viajantes! Mas ter esta oportunidade com a Costa Cruzeiros é uma experiência única e inesquecível.

Todas as escalas em seu cruzeiro ao redor do mundo vão deixar o turista sem palavras!  Viajando com Costa Cruzeiros, permitirá ao turista que desfrute desta experiência inesquecível, navegando pelos oceanos e mares do planeta. Os atrativos históricos, suas culturas fascinantes, os alimentos e temperos, o pôr do sol e a natureza são descobertas que o turista pode fazer só durante esta viagem.

Nossa equipe, preparada nos mínimos detalhes, acompanhará o turista nestas maravilhosas férias.