No coração da Cordilheira dos Andes, em uma paisagem de cartão postal, a lagoa Quilotoa no Equador é a combinação perfeita para quem busca aventura, imersão na cultura local e belezas naturais. 

Os indígenas, o artesanato, a flora, a fauna, as edificações, o clima, a gastronomia e a geografia fazem deste ponto turístico andino um dos mais procurados pelo turismo nacional e internacional. Quilitoa é um lago vulcânico localizado na província de Cotopaxi, a 170 quilômetros da capital Quito. 

A lagoa Quilotoa é um lago cor de esmeralda dentro da cratera de um vulcão a três mil e oitocentos metros acima do nível do mar. Os intensos reflexos azuis e turquesas da água criam uma imagem perfeita juntamente com o verde das montanhas circundantes e o branco das nuvens no céu. 

Atualmente existem fenômenos de vulcanismo secundário, como fumarolas ativas e fontes termais perto do lago da caldeira. O destino é maravilhoso, o caminho ainda mais. 

Depois de descer no lago você pode alugar caiaques para duas pessoas para navegar na lagoa ou levar uma mula para a subida, pois a altitude é sentida mas o espetáculo do lago não tem preço nem na beira da cratera. 

O sertão oferece paisagens intocadas e lugares isolados da vida da cidade, ainda distantes do mundo moderno, imersos na natureza e no silêncio.

O que você deve saber ao visitar o maravilhoso Lago Quilotoa:

Geografia

Quilotoa é um lago vulcânico do Equador, localizado na província de Cotopaxi, na parte oeste dos Andes equatorianos, cerca de 14 km ao norte de Zumbahua. 

Atinge uma altura de 3.900 metros acima do nível do mar, dentro da cratera de um vulcão inativo há 800 anos, observando uma lagoa de 3 km de diâmetro e 250 metros de profundidade. A lagoa localizada na cratera deste vulcão tem uma cor esmeralda única, o que lhe confere uma espetacularidade única. 

Do alto é possível apreciar a majestade da Lagoa que acaba sendo uma lembrança inesquecível, pois abriga toda uma série de belas paisagens e atividades à espera de serem descobertas.

Como chegar lá

A Lagoa Quilotoa está localizada aos pés de um pequeno vilarejo, do qual leva o nome. Para chegar lá, você pode pegar um ônibus que sai de Latacunga e passa pela cidade de Zumbahua. Também pode alugar um carro ou obter um serviço de transporte com um profissional ao volante para que possa admirar a bela paisagem que a zona montanhosa do sul lhe oferece. 

Para descer até a lagoa é preciso fazer uma caminhada por um caminho que dura de 30 a 40 minutos, também pode ser feito em cavalos que são alugados pelos cariocas. 

Ao descer em direção à lagoa poderá desfrutar de paisagens com cores impressionantes, os abismos e as maravilhas dos Andes equatorianos, imersos em um ambiente descontraído e harmonioso.

Flora

A Lagoa Quilotoa é uma das 15 lagoas vulcânicas consideradas as mais belas do mundo. Repleta de riachos e morros, a lagoa é uma área onde a vegetação muito pobre é composta por 82 espécies que podem ser utilizadas para a fabricação de remédios, alimentos e combustível, além disso algumas espécies também foram introduzidas como o eucalipto e semeadura em quantidades mínimas. 

A planta principal é a chuquiragua, com flores de laranjeira. Os beija-flores se alimentam de seu néctar. A Lagoa Quilotoa é um belo atrativo turístico, um lugar mágico com paisagens únicas, ideal para aventureiros que desejam desfrutar de uma misteriosa maravilha da natureza.

Fauna

Você está procurando um lugar para contemplar uma paisagem maravilhosa durante uma viagem ao Equador? A lagoa Quilotoa é um lugar que o surpreenderá, um vulcão transformado em lagoa, é um lugar único que surpreende a vista e os sentidos a cada passo. 

Aqui a fauna é representada principalmente por pássaros como beija-flores, pombas e gaviões brincando perto das falésias. Também é possível observar espécies animais como: o lobo páramo, a raposa, o coelho, o veado, o cervicabra, entre outras espécies. 

A avifauna existente nesta área protegida é representada principalmente pelo urubu, torcaza, quilico, escamudo, quinde café, papagaio, pardal e huairachuro. pombo, chapim-real. Também há cavalos e mulas que transportam turistas que desejam descer até a lagoa.

Fumarolas

O que torna Quilotoa um dos mais belos vulcões a visitar é certamente a sua gigantesca caldeira que alberga um belo lago com pouco menos de 3 km de largura e cerca de 250 metros de profundidade, com águas esverdeadas devido aos minerais dissolvidos, acessível através de um caminho especial. a uma altitude de 3800 metros acima do nível do mar. 

Existem fumarolas no fundo do lago e fontes termais no lado oriental do vulcão. A principal atração está em algumas áreas onde as fumarolas do vulcão ainda estão ativas e aquecem a água e emitem gases sulfurosos. É um espetáculo a não perder!

Visite Andes

A Cordilheira dos Andes é a maior cordilheira da América do Sul que atravessa Argentina, Bolívia, Chile, Equador, Colômbia, Peru e parte da Venezuela. 

Uma vez no Equador, você pode começar um passeio conquistando os picos andinos com o TelefériQo, um teleférico presente em Quito e um dos mais altos do mundo, a cerca de 4100 metros da cidade. 

Graças a este teleférico você poderá admirar vistas espetaculares dos Andes equatorianos, como o incrível vulcão Cotopaxi, a lagoa Quilotoa e experimentar o canyoning na cidade de Baños de Agua Santa, a porta de entrada para a floresta tropical. 

Este passeio feito sob medida pelo Equador foi planejado para colocá-lo em contato próximo com o encanto atemporal da região dos Andes, sua natureza, cultura e fauna.

O que visitar na área circundante

O Equador é uma verdadeira concentração de tesouros e belezas! Descubra o que ver no Equador, um destino ideal para os amantes da natureza e das paisagens extremas, sem esquecer a riqueza histórico-cultural de seus lugares que oferecem cenários de vida autêntica.

Começa na capital, Quito, com suas joias da arquitetura colonial, e segue pela região do Parque Nacional Cotopaxi, que toca o céu com um dedo a uma altitude de 5200 metros, dominado pelo vulcão homônimo, nada menos que espetacular. 

Zumbahua, por outro lado, é a cidade mais próxima do Lago Quilotoa, enquanto Baños é conhecida por seus banhos termais e é a porta de entrada para a Amazônia, possui um cenário natural de grande beleza. 

A cidade velha de Cuenca, de conto de fadas, Patrimônio Mundial da UNESCO graças à preservação de seus edifícios históricos, encanta a todos com seu ambiente descontraído e a simpatia de seus habitantes. 

Os esplêndidos e bem preservados banhos termais às portas da aldeia andina de Papallacta são uma das belezas naturais mais fascinantes do Equador. 

Visite Otavalo, o maior mercado da América do Sul, aviste baleias de Puerto Lopez e chegue à isla de la Plata, com suas paisagens simplesmente incríveis. Visitar o Equador é uma aventura única e uma experiência avassaladora que o deixará sem palavras.

Descubra a América do Sul em um cruzeiro com a Costa

A América do Sul está sem dúvida entre os lugares mais fascinantes do mundo. Destinos de sonho, espaços infinitos, paraísos exóticos, você descobrirá um continente de belezas naturais e diversidade de tirar o fôlego. 

Viajar aqui significa descobrir os Andes, o Oceano Pacífico, a Amazônia e passar do litoral desértico, às altas montanhas, à floresta equatorial. O Equador é certamente um dos países mais bonitos da América do Sul, com uma variedade de flora e fauna, além de muita arte, história, cultura, arquitetura, paisagens e natureza deslumbrante, incluindo praias imaculadas, picos nevados, selvas, florestas e lagos. 

Como o esplêndido Lago Quilotoa, considerado uma das mais belas lagoas vulcânicas do planeta. A América do Sul é uma terra cheia de surpresas, é aqui que a natureza se estende em sua beleza estonteante para chegar ao fim do mundo.

Descubra a América do Sul em um cruzeiro com a Costa, prepare-se para viver uma viagem cheia de aventuras e surpresas, deixando-se encantar pela natureza intocada e pela majestade do silêncio que dificilmente esquecerá.