A maior e mais turística das ilhas da Tailândia, Phuket, é um dos destinos tropicais mais populares do mundo: o mérito é das praias e dos cenários incríveis, como os da baía de Phang Nga. Um lugar de beleza irreal: quem visita a Tailândia dificilmente abdica de um passeio entre as ilhas e as formações calcárias da baía com formas e cores incríveis. O verde da água, o emaranhado da selva, os templos coloridos: tudo contribui para a vertigem agradável que pega o visitante. Também chamada de "pérola de Andaman" e unida ao continente por uma calçada, Phuket é também famosa por seus resorts balneares de luxo. A ilha é cercada por oásis cobertos de areia branca, embelezados por palmeiras e manguezais: entre as praias da Tailândia, as de Phuket merecem uma menção especial, não apenas pelo panorama, mas também pelas iguarias servidas pelos restaurantes de peixe e, especialmente no caso de Patong Beach, pela animada vida noturna. Ver para crer: eis um resumo das melhores coisas para ver em Phuket, talvez com um cruzeiro Costa.

Wat Chalong

Se existe um lugar que exala misticismo em Phuket, é Wat Chalong, um complexo de templos também conhecido como Wat Chaithararam. Ele está entre os locais mais reverenciados da Tailândia e fica a poucos quilômetros do Grande Buda: esta imensa estátua branca, de 45 metros de altura, domina as colinas e a parte sul da ilha com sua massa imponente. Wat Chalong é cercado por jardins bem cuidados e abriga uma relíquia do Buda no interior: o fragmento de osso está localizado na parte mais alta do santuário que pode ser acessada com os pés descalços. Dentro dos templos você também pode admirar pinturas e estátuas de ouro representando o Buda e os monges. O som de pequenas explosões ecoa no ar: é um ritual que expressa a gratidão dos fiéis pelas orações atendidas.

Phuket FantaSea

Localizado perto da Kamala Beach, Phuket FantaSea é um parque temático sem limites que presta homenagem à riqueza da cultura tailandesa. As tradições antigas coexistem com efeitos especiais, a aura lendária com um entretenimento desenfreado: o espetáculo fascina os visitantes há anos com um cenário suntuoso, digno de Las Vegas. Antes de apreciar o espetáculo (cujos protagonistas são, além dos dançarinos, uma dúzia de elefantes grandes) você pode relaxar entre lojas, jogos e entretenimentos de todos os tipos. O restaurante é impressionante: é um imenso templo de ouro com alguns milhares de lugares. O espetáculo de Phuket FantaSea lembra a mitologia tailandesa mas o enredo não conta: o foco está nas cores vivas, nos figurinos elaborados e nas evoluções dos acrobatas.

Promthep Cape

Onde admirar o pôr do sol em Phuket? A resposta é quase óbvia: em Promthep Cape, no extremo sul da ilha. A partir daqui, a vista para o mar é ilimitada e muito espetacular quando o sol desaparece no horizonte. Não é de surpreender que a essa hora do dia Promthep Cape esteja sempre muito lotado: turistas armados com câmeras vão pontualmente de ônibus para apreciar a vista. Como alternativa, você pode se aventurar ao longo da costa, tomando cuidado onde coloca os pés. No mirante, não faltam clubes e restaurantes de onde contemplar o pôr do sol.

Phuket Thai Village

O lugar perfeito para uma imersão total na cultura tailandesa é Phuket Thai Village onde você pode saborear todas as nuances da tradição: da comida às artes marciais, do artesanato local às danças típicas. O espetáculo é realizado duas vezes por dia entretendo os convidados com performances de boxe tailandês, duelos com espadas e dança tradicional em traje. O menu do restaurante está obviamente focado na culinária tailandesa, embora haja também uma seleção de especialidades chinesas. Phuket Thai Village organiza também exposições de artesanato e possui um jardim onde você pode admirar lindas orquídeas exóticas.

Baía de Phang Nga

A província de Phang Nga, ao norte de Phuket, abriga vários parques nacionais, incluindo o parque homônimo de Phang-nga e o arquipélago de Similan. Ele contém uma coleção ilimitada de ilhas, cavernas e vislumbres selvagens, ladeadas por templos, sítios arqueológicos e outras maravilhas do interior. No entanto, o mar é a principal atração para os turistas: a baía de Phang Nga abriga alguns dos mais belos locais de mergulho da Tailândia e centenas de pequenas ilhas. É absolutamente um dos tesouros naturalistas mais preciosos do Sudeste Asiático. Seus afloramentos de calcário assumem uma variedade de formas: em grande parte inexplorados, eles se assemelham a montanhas verticais envolvidas pelo verde da selva e pela água esmeralda. Entre as mais icônicas está a chamada "ilha de James Bond": admirando-a da canoa, é espontâneo esfregar os olhos pois a dúvida é que seja uma miragem. Felizmente, a baía de Phang Nga não é um truque mas um dos lugares mais bonitos do planeta.

Phuket Sunshine Village

O mercado de Natal mais doce da Tailândia? É aquele organizado pela Phuket Sunshine Village, uma vila para crianças que acolhe cem órfãos pequenos e indefesos. Além do tradicional Christmas Market, a fundação organiza também uma festa de Réveillon (bem como uma celebração dedicada ao aniversário da abertura da vila) para financiar seus projetos.

Museo Thai Hua

Entre as etapas culturais mais clássicas de Phuket, há o Museu Thai Hua: passar uma hora no interior é uma ótima maneira de preparar a visita a Phuket Town e mergulhar na história local. A coleção traça os eventos da grande imigração chinesa: de fato, o desenvolvimento econômico da ilha foi devido (além do comércio de borracha) à indústria de mineração e à extração do estanho, atividade que atraiu uma grande quantidade de mão de obra para Phuket. O Museu Thai Hua oferece uma visão interessante das tradições e dos costumes da comunidade chinesa, dedicando um espaço também aos eventos mais importantes de Phuket, como o famoso Festival Vegetariano: este festival, de origem chinesa, oferece um rico calendário de cerimônias que se realizam dentro dos santuários e nas ruas, com procissões rituais pontuadas pelo som de tambores e fogos de artifício.

Jui Tui Shrine

Entre os locais de referência do Festival Vegetariano de Phuket está o templo chinês Jui Tui Shrine, localizado próximo do principal mercado de frutas e legumes da cidade. O templo foi transferido para aqui após ter sido destruído pelo fogo e hoje está entre os mais visitados de Phuket Town. No interior, abriga três altares diferentes caracterizados por uma rica decoração e uma autêntica floresta de estátuas dedicadas às divindades chinesas e taoístas. Ao entrar no complexo, você se depara com um alto edifício vermelho fechado entre colunas cobertas de dragões dourados: aqui também ressoam as explosões dos fogos de artifício rituais.

Wat Pra Thong

Localizado no distrito de Thalang, o templo de Wat Phra Thong está entre os mais lendários de Phuket. Sua fama se deve à estátua do Buda meio enterrada que, segundo o mito, foi encontrada aqui. A história começa assim: em um tempo distante, um garoto amarrou seu búfalo a um pedaço de madeira que se projetava do chão. Depois que os dois ficaram doentes, o pai do jovem, guiado por um sonho, descobriu que a saliência era realmente o topo da cabeça do Buda. Várias tentativas de libertar a estátua se seguiram todas fracassando devido à intervenção de enxames de vespas, formigas e outras calamidades. Desde então, a lenda diz que a estátua é intocável. Para ser sincero, a de ouro, que hoje pode ser admirada no templo, não é o original mas a sugestão permanece intacta.

Aldeia de Koh Panyee

Também conhecida como a "vila dos ciganos do mar", Koh Panyee está entre os cenários mais características da baía de Phang Nga. A área habitada se desenvolve em um conjunto de palafitas, originalmente construídas por pescadores da Malásia e unidas por passarelas que formam um emaranhado de becos. É um lugar fora do tempo: Koh Panyee fica aos pés de um penhasco alto e preservou sua aparência original quase intacta. Construída apenas em pequena escala no continente (onde está localizada a mesquita) abriga também uma escola, pequenas lojas de lembranças e vários falcões treinados. Não perca a oportunidade de passar a noite na vila e contemplar o pôr do sol a partir daqui: o espetáculo das ilhas vizinhas e o bater da água ao redor dos barcos criam um efeito hipnótico difícil de esquecer. Para saborear a magia, basta uma pausa para o almoço no restaurante flutuante de Koh Panyee, antes de retomar a navegação na baía de Phang Nga: a Ilha de James Bond fica a uma curta distância.

Parque Nacional Khao Phra Thaeo

Você sonha com um trekking aventureiro na selva virgem? O cenário certo é o Parque Nacional Khao Phra Thaeo, localizado na área norte de Phuket e, mais precisamente, na província de Thalang. Este grande parque está espalhado por uma área de cerca de 22 quilômetros quadrados, povoada por uma rica variedade de macacos e mamíferos e por uma centena de espécies de aves sem negligenciar, é claro, presenças menos amigáveis, como cobras, aranhas e outros habitantes da selva. O conselho é contar com um guia: em qualquer caso, quem quiser pode explorar o parque de forma independente seguindo os sinais que indicam o caminho entre as cachoeiras.

Phuket Town

Uma caminhada em Phuket Town é uma espécie de caça ao tesouro cheia de surpresas. O passeio se articula entre a elegante arquitetura sino-portuguesa (da qual o Museu Thai Hua é um excelente exemplo), mercados animados e santuários coloridos. Não faltam atrações para os gourmets e para os amantes das compras, em especial, em Thalang Road, a rua principal do centro histórico, onde você pode passar a noite em um clube com música ao vivo. Não perca o mercado da cidade de Phuket, ao longo da estrada de Ranong. Uma curiosidade: o famoso hotel do filme The Beach não está localizado em Bangkok, mas em Phuket Town.

Parque Sirinat

Localizado a alguns quilômetros do Aeroporto de Phuket, o Parque Nacional Sirinat é composto por uma coleção de praias magníficas que percorrem quilômetros e quilômetros. Ele está entre os lugares mais imaculados da ilha: não é por acaso que algumas de suas praias são locais de nidificação de tartarugas marinhas. Entre elas está Hat Mai Khao, a maior do parque Sirinat. A vizinha Hat Nai Yang é um destino muito procurado para os amantes de snorkeling. Além de desfrutar da areia branca e do mar cristalino, você pode admirar a floresta costeira rica em espécies tropicais. O Parque Nacional Sirinat inclui também uma pequena área de florestas de mangue equipada com uma longa passarela de madeira que permite contemplar seus habitats. Você pode visitar o parque durante o dia ou, alternativamente, passar a noite aqui.

Praias de Phuket

Nomear todas as praias de Phuket é quase impossível: a ilha possui uma série ilimitada de oásis cobertos de areia macia, emoldurados por palmeiras e promontórios selvagens. Não podemos deixar de mencionar Patong Beach, um longo crescente branco onde você pode desfrutar de todos os tipos de diversões, de esportes a entretenimento noturno: é o lugar certo para mergulhar na vida noturna de Phuket. Se Patong é a mais popular, a praia mais longa é a já mencionada Mai Khao, uma extensão ilimitada de areia cercada por pinheiros e, na maior parte, quase deserta. Entre as mais desejadas, se destaca também Freedom Beach, um canto do paraíso acessível apenas por barco. Vale a pena: a areia é imaculada, a água cristalina e a atmosfera muito, muito descontraída.

Parta para Phuket com a Costa Cruzeiros

Ansioso para descobrir todas as belezas de Phuket? Comece a sonhar com o seu próximo cruzeiro Costa: muitas praias e maravilhas esperam por você na Tailândia!

Viaje com a Costa Cruzeiros