A terra mítica dos piratas do Caribe existe: são as Ilhas Cayman, sinônimo de praia dos sonhos e mar maravilhoso. O pequeno arquipélago é composto por apenas três ilhas, Grand Cayman, Little Cayman e Cayman Brac. Estas últimas foram avistadas por Cristóvão Colombo em sua última viagem no ano 1503: foi o famoso explorador que os nomeou Las Tortugas, as tartarugas, devido aos inúmeros exemplares desses animais nadando ao redor das ilhas. Terras desabitadas, as Ilhas Cayman foram declaradas solo britânico na segunda metade de 1600, mas até 1730 não abrigavam uma população estável, também por causa dos ataques constantes que os tornavam inseguros.

 

Hoje, permanece apenas as lendas dos piratas: as Ilhas Cayman são um lugar onde a vida flui tranquilamente, beijadas pelo sol no Caribe. A maior das ilhas, Grand Cayman, é o lar da capital George Town e está a cerca 100 quilômetros de distância de Little Cayman e Cayman Brac. A característica que une as três ilhas, e também as torna um destino incomparável para os turistas, são os locais de mergulho: há centenas deles aqui, ao alcance de mergulhadores mais ou menos experientes. Alguns locais são tão surpreendentes como Bay Bloody Wall, a incrível parede vertical de Little Cayman. Para quem ama fazer snorkeling, em Grand Cayman é possível nadar com arraias em Stingray City ou com tartarugas no Cayman Turtle Centre, entrar no espetacular recife de corais artificial da USS Kittiwake e depois se deitar na praia de Seven Mile Beach, considerada a mais bonita do Caribe. O interior da maior ilha também está cheio de atrações naturais, incluindo o Parque Botânico Rainha Elizabeth II, as espetaculares Crystal Caves e até mesmo o inferno, isto é, a formação rochosa singular chamada de Hell.

 

A melhor temporada para uma visita às Ilhas Cayman é o inverno., quando até mesmo os cruzeiros Costa fazem uma parada nessas praias distantes e encantadoras. O clima tropical, mas não muito abafado, e mar quente são perfeitos para garantir umas férias de sonho.

Quais são os as paradas que você não pode perder em suas férias nas Ilhas Cayman? Descubra conosco!

Não perca nas Ilhas Cayman

  • George Town

  • Seven Mile Beach

  • Parque Botânico Rainha Elizabeth II

  • Stingray City

  • Crystal Caves

  • Cayman Turtle Centre

  • Hell

  • USS Kittiwake

  • Little Cayman

  • Bloody Bay Wall

George Town

Embora você esteja muito longe do Palácio de Buckingham, lembre-se que George Town está em território inglês. Esta pequena cidade é a capital das Ilhas Cayman; de fato, está localizada na ilha principal, Grand Cayman. Sabe qual foi o primeiro inglês a vir aqui para Grand Cayman? O famoso corsário Sir Francis Drake, que encontrou uma ilha habitada apenas por tartarugas e iguanas. Hoje, George Town é uma cidade animada, que acolhe os muitos turistas que chegam a este paraíso terrestre. Sua posição, em uma faixa de terra banhada pelo Mar do Caribe de um lado e de uma lagoa, do outro, só aumenta o seu charme. Saibam que é considerada a cidade mais organizada do Caribe! Em suas ruas residenciais você pode ver algumas "Casas de pão de gengibre" elegantes em tons pastel, que são as casas de madeira no estilo arquitetônico que se estabeleceu no Haiti no final de 1800, com varandas, tetos altos ou até mesmo torres.

 

Há cerca de 21.000 habitantes em George Town, mas nesta cidade das Ilhas Cayman você pode encontrar até 600 bancos! Há tantos que eles se tornaram uma atração turística, que procuram nas ruas da cidade. Uma ótima maneira de visitar George Town é a bordo do Trolley Roger, um bonde turístico que leva você para as áreas mais populares da cidade, e que definitivamente vai agradar as crianças também. Depois, você pode entrar em bairros refinados, como South Sound, e sonhar na frente de suas moradias cercadas por flores tropicais e com vista para o mar azul-turquesa.

 

Entre as atrações de George Town é preciso registrar Museu do Tesouro Marítimo de Cayman, um museu que recolhe reconstruções dos tempos em que as ilhas eram a casa de piratas (há até mesmo um modelo mecânico do pirata Barba Negra). A cidade também é perfeita para fazer Compras, nos seus duty free que vendem todos os tipos de objetos de valor, mas também nos mercados locais, onde você pode encontrar objetos originais criados por artesãos locais. Não perca a oportunidade de provar uma das especialidades mais conhecidas do Caribe: o rum, que também é uma tradição em George Town. Você pode apreciá-lo puro ou experimentar o típico "rum cake", ou seja, o bolo de rum que é como uma instituição aqui.

Seven Mile Beach

Bem-vindos à praia mais bonita do Caribe: Seven Mile Beach, uma das praias mais famosas do mundo e, certamente, a mais conhecida de Grand Cayman. Seven Mile Beach é popular entre os turistas; por isso, você vai encontrá-la no ranking mundial das praias mais bonitas. O que torna este pedaço de paraíso terrestre especial é provavelmente a sua simplicidade: Seven Mile Beach não é nada mais do que uma tira de areia branca muito fina com cerca de onze quilômetros de comprimento, com palmeiras verdes e vegetação tropical, e com vista para um mar com degradês de azul turquesa,azul claro e azul marinho. É fácil se apaixonar por um lugar tão encantador!

 

Seven Mile Beach é uma praia pública, a dois passos da capital George Town. Muito perto da praia estão os hotéis, restaurantes e clubes, para fazer uma pausa dos banhos de sol e experimentar a cozinha local ou internacional. Mas você dificilmente vai querer sair do seu lugar em Seven Mile Beach, que também tem um fundo raso no qual as crianças podem brincar com segurança. Você quer percorrer toda a extensão dessa praia de sonho? Há uma caminhada em Segway que pode ser feia durante a parada de Grand Cayman em seu cruzeiro Costa, para sentir o sol na pele e o cheiro do mar. E, claro, há também oportunidades para mergulhar, para conhecer o recife de corais, até mesmo de submarino. Mas se você quiser ter um olhar único sobre esta maravilha da natureza, pense em um passeio de helicóptero para sobrevoar Seven Mile Beach!

Parque Botânico Rainha Elizabeth II

Prefere mergulhar na natureza do que no mar? Em Grand Cayman você vai encontrar o Parque Botânico Real Rainha Elizabeth II, aberto por Sua Majestade, a Rainha da Inglaterra em 1994 e criado para preservar o patrimônio natural da ilha. Caminhando no Parque Botânico Real de Grand Cayman é possível ver tantíssimas espécies de plantas e flores tropicais, com cores e aromas inesquecíveis. O parque é atravessado por trilhas, e também abriga uma Tea House, a Casa de Chá, com vista panorâmica.

 

Na época de sua criação, o Parque só era percorrido através da Woodland Trail, um caminho que atravessa um ecossistema com cerca de 50% das espécies vegetais nativas das Ilhas Cayman. Mas ao longo dos anos foram acrescentadas muitas outras atrações, verdadeiras "exposições naturais" de admirar, como o Cayman Heritage Garden, o Floral Colour Garden e o Jardim das Orquídeas, em que também é possível ver três espécies de orquídeas que foram encontradas apenas nessas ilhas. Ao lado do Floral Colour Garden há também um lago, no qual você verá várias aves aquáticas em voo.

 

O Parque Botânico é famoso em particular por seu "hóspede" mais original: ele é realmente a casa das encantadoras iguanas azuis, répteis com um pele azul incrível, que são protegidos aqui para ajudá-los a repovoar a ilha. Não é incomum encontrar uma iguana azul ao longo das trilhas do parque enquanto se desfruta do sol do Caribe.

Stingray City

Em Stingray City você vai experimentar uma emoção única: a de nadar entre as arraias gigantes! Do porto que fica de frente para a grande lagoa de Grand Cayman, chamado North Sound, é possível partir de barco para esta aventura. Stingray City está localizado dentro de um canal natural que passa pelo recife, ou seja, a barreira de corais. Aqui alguns bancos de areia fazem com que a água fique rasa, até menos de um metro, embora você esteja longe da costa. E é aqui que se reúnem todos os dias tantas arraias gigantes, provavelmente porque quanto os pescadores que voltaram ao porto paravam aqui para limpar os peixes e jogavam as sobras na água, atraiam as arraias famintas.

 

Mais tarde, esses belos animais aprenderam a se aproximar do homem sem medo, sabendo que iriam receber algum coisa deliciosa! Na verdade, os turistas podem não só nadar com as arraias, como também alimentá-las, dando-lhes alguns peixes com as próprias mãos. As águas de Stingray City são incrivelmente transparentes, portanto, são ideais mesmo para aqueles que não são especialistas em mergulho. E as arraias, acostumadas a interagir com o homem, são tranquilas e nadam em pequenos grupos ao redor dos visitantes, deixando-se admirar e acariciar.

Crystal Caves

Onde os piratas das Ilhas Cayman se escondiam quando não estavam no mar? Ao entrar nas Cavernas de Cristal de Grand Cayman, vocês vão descobrir um dos abrigos mais incríveis dos corsários! As "cavernas de cristal", o significado do nome, estão localizadas na floresta tropical da parte norte da ilha, e parece que os piratas usaram essas cavernas para se protegerem de tempestades e olhos curiosos... a lenda conta que vários tesouros estão enterrados aqui.

 

Levou milhões de anos para a formação dessas incríveis cavernas subterrâneas repletas de estalactites e estalagmites brilhantes. No passado, esta parte da ilha estava debaixo d'água (como nos mostram os fósseis de animais marinhos e as conchas encontradas dentro delas), mas ao longo dos séculos o nível do mar caiu e graças à erosão da água começou a formação dessas incríveis cavidades subterrâneas. A água da chuva modelou, gota por gota, a face das cavernas, que está em constante mudança. As Crystal Caves só recentemente se tornaram uma atração turística de Grand Cayman: o trabalho para torná-las visitáveis por todos começaram no início de 1990e levou mais de vinte anos. Hoje é possível visitar as três das cavernas mais bonitas, incluindo uma "bat-cave" habitada por morcegos!

Cayman Turtle Center

Mais de 200 mil turistas vêm para o Cayman Turtle Centre de Grand Cayman para ver de perto um dos animais símbolo das Ilhas Cayman, a tartaruga verde. E eles não ficam desapontados, porque este centro é único no mundo. Criado no final dos anos de 1960 como a "Fazenda das tartaruga", ao longo dos anos tem crescido e colaborado na defesa de várias espécies, algumas delas ameaçadas de extinção, que aqui começaram a se reproduzir em um ambiente protegido.

 

No Cayman Turtle Centre você pode literalmente nadar com as tartarugas, em um tanque de snorkeling que também é povoado por tantíssimos peixes tropicais de todas as cores. Na verdade, as tartarugas não são os únicos habitantes do centro: junto com eles vivem também iguanas, um crocodilo e muitas aves tropicais. No Cayman Turtle Centre também há um parque aquático para se divertir, embora a experiência mais emocionante que você pode ter aqui seja, com certeza, pegar com suas mãos um filhotinho de tartaruga.

Hell

No éden de Grand Cayman é possível até ver o inferno! Hell, que significa inferno, é de fato uma das atrações mais conhecidas das principais ilhas Cayman. Trata-se de uma extensão impressionante de formações de calcário preto, que está localizado no interior, na parte norte de Grand Cayman.

 

Apesar da aparência pouco reconfortante dos picos de rocha escura e porosa, que você pode admirar de algumas plataformas de observação, Hell não tem nada de maléfico. Na verdade, as pessoas que trabalham nas lojas vizinhas a esta atração nunca perdem a oportunidade de fazer algumas piadas temáticas "diabólicas" para brincar com os visitantes. Nas vizinhanças do picos foi aberta até mesmo uma estação de correios. Por quê? Naturalmente para permitir que os turistas enviem verdadeiros "cartões postais do inferno"!

USS Kittiwake

Paraíso dos apaixonados por mergulho, Grand Cayman é o lar de um local de mergulho verdadeiramente incrível: o USS Kittiwake, um navio de resgate submarino transformado em um recife de corais artificial. Os mergulhadores experientes podem explorar o interior dos navio livremente, entrando em seus aposentos e descobrindo como o mar está transformando-o, enquanto mergulhadores novatos podem simplesmente nadar ao redor desta maravilha submarina.

 

O USS Kittiwake está localizado a mais de 20 metros em frente ao último trecho da famosa praia Seven Mile BeachMas é perfeitamente visível se você voar sobre a costa, graças às águas cristalinas das Ilhas Cayman. A história deste navio é fascinante: lançado em 1945, permaneceu em serviço até 1994. Em 2008, foi adquirido pelo Governo das Ilhas Cayman, o que lhe deu uma nova vida muito especial: no dia 5 de janeiro de 2011 foi de fato afundado de propósito ao longo da Seven Mile Beach, para torná-lo um recife artificial. E desde então é uma das coisas imperdíveis se você vier para Grand Cayman.

Little Cayman

O menor nas Ilhas Cayman chama-se Little Cayman, 2012: um nome perfeito, se nós pensarmos que tem apenas 16 quilômetros de comprimento. Vista de cima, é uma pequena faixa verde circundada de branco e cercada pelo azul do Mar do Caribe. Imaginem que Little Cayman é atravessada por uma única estrada, que percorre por todo o perímetro! Dada a sua localização e tamanho, esta ilha oferece aos turistas a experiência de fugir completamente da vida cotidiana: não há vida noturna e confusão em Little Cayman, os poucos habitantes da ilha estão quase todos reunidos no pequeno Blossom Village. Sua praia mais amada é Point of Sand, na costa nordeste, uma faixa de areia a partir da qual você também pode ver o perfil da terceira ilha do arquipélago, Cayman Brac. Grand Cayman, por outro lado, fica a quase 100 quilômetros de distância.

 

A ilha é o lar de alguns dos mais belos locais de mergulho nas Ilhas Cayman e no mundo, com um recife de corais tão profundo que parece infinito, e famoso por suas paredes quase verticais. E para aqueles que procuram uma verdadeira experiência no estilo Robinson Crusoe, uma visita a Owen Island é imperdível: esta ilhota desabitada sem qualquer estrutura é um oasis de paz fora do tempo. Está localizada na lagoa a sudoeste de Little Cayman, e é facilmente alcançado por caiaque.

Bloody Bay Wall

Considerada uma das experiências mais incríveis do planeta pelos mergulhadores mais experientes, Blood Bay Wall está localizada na costa norte de Little Cayman. O que torna especial este local de mergulho mundialmente famoso é sua rara parede de recife de corais praticamente vertical, que desce até mais de 30 metros abaixo do nível do mar. O recife de Little Cayman está repleto de criaturas marinhas de todos os tipos, de cavalos-marinhos a tartarugas e tubarões.

 

A parte mais famosa do Bloody Bay Wall é o Great Wall West. Em 1999, um fotógrafo americano fez e editou 1999 fotos deste trecho de recife de corais, realizando uma reprodução pessoal em tamanho real. Um projeto não só maravilhoso de ver (o recife é iluminado como se fosse dia, e isso permite que você descubra todos os detalhes!), mas também muito útil para aqueles que estudam este ecossistema único. No momento, o mesmo fotógrafo está fazendo um novo trabalho, que permitirá aos cientistas avaliar o quanto e como o Great Wall de Bloody Bay west mudou nos últimos anos.

Viaje para o Ilhas Cayman com Costa Cruzeiros

As Ilhas Cayman sempre fizeram sonhar todos os viajantes apaixonados pelo do mar, como aqueles dos cruzeiros. Fazem a felicidade dos amantes do mergulho, mas também de todos aqueles que querem viver um feriado ao ritmo do Caribe, apreciando a majestosa natureza em terra e no mar. E chegar lá de navio é ainda mais espetacular: ver o perfil de Grand Cayman a partir de seu navio Costa será uma emoção difícil de esquecer!

Parta com a Costa Cruzeiros